Moda consciente: Não ao uso do couro!

O couro é um material usado desde os anos 50 pelos astros do rock e desde então se tornou um símbolo da rebeldia e dos "descolados" do mundo todo. As pessoas se habituaram tanto à ver jaquetas, sapatos, bolsas e acessórios de  couro por aí, que nem se perguntam mais como funciona a obtenção de matéria-prima para esses produtos.

É claro que todo mundo sabe que usar um casaco de pele custa o sofrimento de um animal, mas o contato com a realidade desse processo de produção é muito pouco e, por isso, cada vez mais pessoas gastam dinheiro sem o interesse em saber que financiam a morte de milhares de bichinhos.

(Imagem: ONG Peta)

O que você faria se chegasse a uma loja para conferir a nova coleção de produtos em couro e dentro deles, encontrasse um coração, pulmão, um cérebro e muito sangue? Qualquer pessoa ficaria chocada.

Foi pensando nessa falta de contato entre consumidor e processo produtivo que a ONG norte-americana Peta lançou, em parceria com a empresa de publicidade Ogilvy and Mather, um comercial , no qual clientes chegam à uma loja para conferir a nova coleção de couro e se deparam com algo que não esperavam.

A campanha é um pouco impactante, mas mostra perfeitamente o quanto o público fica surpreso quando se vê próximo dessa questão de que por trás de um casaco de couro, há morte, dor e sofrimento. O objetivo da ONG era chocar as pessoas para incentivá-las à se conscientizarem a respeito do "preço" de um artigo feito em couro.

Abaixo você encontra o vídeo do comercial da campanha que mostra a realidade por trás das peças vendidas pela loja fictícia "The Leather Work" e aproveite para rever seus conceitos quanto ao uso da pele dos animais para abastecer a indústria da moda.

Jornalista, do Vale do Paraíba para a Grande São Paulo. Apaixonada por moda. Acredito que moda, e a expressividade, andam juntas e podem dar voz àqueles que não têm.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.