Seu batom vale mais do que a saúde de um animal?

Todos os dias as grandes empresas de cosméticos (e as pequenas também) utilizam animais em seus laboratórios para testar novos produtos de beleza como cremes, batons, perfumes, tintas para cabelo etc. Em janeiro de 2014, as empresas do estado de São Paulo foram proibidas de continuar realizando esses testes, mas sabemos que a maioria ainda dá o seu jeito de burlar a lei.

Imagem: Mais 20 minutos

Além disso, outras milhares de empresas ao redor do mundo ainda continuam arriscando a vida de criaturas inocentes para lucrar com produtos de beleza. Uma pesquisa feita em 2010 pela ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais) revelou que mais de 100 milhões de animais morriam anualmente durante os testes.

Uma investigação realizada no Laboratório Wickham, na Inglaterra, onde eram feitos testes em animais, foi constatado que coelhos eram mantidos presos pelo pescoço, com um termômetro colocado no reto durante horas. Eram cerca de 100 coelhos e todos tinham, o tempo todo, substâncias tóxicas em contato direto com seus olhos, boca e nariz.

Qualquer pessoa que já tenha visto um coelho em seu habitat natural, ou mesmo solto em algum lugar, sabe que são animais extremamente enérgicos, e que toda essa situação é nociva à saúde deles, podendo causar a morte.

Foto: Change.org

No entanto,  ultimamente podemos perceber que as pessoas têm se mostrado contra essa prática cruel, e que o número de empresas que aboliu os testes de cosméticos em animais cresceu muito. Que tal se as pessoas se mobilizassem e começassem a consumir produtos fabricados somente por essas marcas do bem?

Isso pode causar certa estranheza a princípio, mas você sabia que grandes marcas já disponibilizam uma enorme diversidade de produtos? Estamos falando de nomes como Água de cheiro, Acquaflora, Impala, Natura, L'Aqua di Fiori, O Boticário, Botanic, Vult e mais uma série de marcas que são as "queridinhas" do público, em especial, das mulheres.

Foto: Culturamix.com

Não é que você precisa imediatamente jogar os seus produtos de beleza no lixo, mas parar de comprar das empresas que promovem a crueldade contra os bichinhos já é um começo. Pesquise e veja quantas opções disponíveis você tem não só para se embelezar, como também para salvar a vida daqueles que não tem como se defender.

 

 

Jornalista, do Vale do Paraíba para a Grande São Paulo. Apaixonada por moda. Acredito que moda, e a expressividade, andam juntas e podem dar voz àqueles que não têm.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.