Tingimento natural ganha espaço no mercado da moda

Cada vez mais as pessoas estão entendendo o conceito de sustentabilidade, e levando isso para o universo fashion. Já é possível observar um número maior de pessoas comprando roupas usadas em brechós, trocando peças com outros interessados e até mesmo produzindo peças a partir de material reciclável.

Mas, a bola da vez é o tingimento natural dos tecidos. Você sabia que dá pra usar flores para tingir suas roupas? Sim, é verdade.

Utilizar produtos orgânicos é uma alternativa de tingimento para as roupas, e também uma forma de reduzir os impactos da indústria têxtil no planeta, e Maibe Maraccolo descobriu isso bem cedo.

Imagem: Modefica

Ela é uma empresária que no quintal de sua própria casa, misturou tons e conseguiu vinte e duas cores provenientes de produtos naturais. E que produtos são esses? Bom, os mais variados. Flores, serragem, folhas e até mesmo sementes.

Mudança de Planos

A empresária conta que é formada em Gestão de Moda. Há alguns anos, resolveu se aventurar fora do país, fazendo cursos para atualizar seu currículo.

Foi em Londres que ela teve a oportunidade de fazer um curso que tratava sobre os impactos das tintas artificiai no meio ambiente, e resolveu apostar suas fichas nisso.

Imagem: Pinterest

Maibe estudou e desenvolveu sua técnica no Brasil, e deu início em seu próprio negócio no ano de 2013. Para conseguir tudo o que precisava, ela precisou investir cerca de trinta mil reais.

Sendo assim, se especializou e agora oferece cursos pelo país afora, para ensinar as pessoas tudo o que sabe sobre tingimento natural.

Imagem: Pensando ao contrário

Faça você mesmo 

Porém, pessoas interessadas em aprender essa técnica e que não podem pagar pelo curso, podem testar seus conhecimentos em casa.

É possível utilizar até mesmo restos de legumes para tingir as peças, e os sites de vídeos estão cheios de DIY (Do it Yourself/Faça você mesmo) ensinando as pessoas como fazer. Por isso, se você se interessou, não perca seu tempo e comece a tingir suas peças!

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.